domingo, 12 de julho de 2015

Arte, Talento: Cristina Martinelli & Graham Bart (Belong)


Acordar num domingo ensolarado e celebrar a vida… Coisa boa.

Nada melhor e mais apropriado do que celebrá-la ao sabor de Arte e Talento – substantivos tão preciosos para mim que sinto-me na obrigação de escreve-los com maiúsculas.

Mas a minha celebração não acaba por aqui nao… pois nada de mais lindo existe do que se poder presenciar estes dois substantivos quando acompanhados “ombro com ombro” de Humildade, Modéstia…

Num mundo em que vejo tantos pretensiosos criando sua prórpria biografia, inventando sua própria “história”, me encho de orgulho por conhecer Talentos reais, Artistas verdadeiros que venceram sem a força do Marketing e da publicidade, da comprada artimanha por detrás deles.

Celebrando a Vida, Talentos, Arte e Humildade quero dividir com todos neste domingo ensolarado esta foto de Cristina Martinelli e Graham Bart (copyright: Veronica Falcão, 1982) em “Belong” de Norbert Vesak no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Arte, Talento & Humildade…

Humilité… ou será que “saiu de moda”???

46 comentários:

As Tertulías disse...

Iris Braga comentou agora no Facebook que vinha ler esta tertúlia para reverenciar Cristina em toda "sua essencia". Bravo, Iris! Voce conseguiu colocar em duas palavras tudo o que nao conseguia formular... "sua essencia" - que forma mais linda de homenagear a querida Cristina Martinelli por tudo que ela nos deu... sim, "sua essencia", pois nela estao todos os fantásticos ingredientes que fazem dela esta grande Ahhhh! Celebrando a vida, o domingo...

Rosangela Calheiros disse...

Amo kiki ela foi uma dama da danca tambem!!om

Iris Braga disse...

Grande domingo, aquele que abre a cortina para o espetáculo da vida e da arte, reverenciando a essência dos olhares e da liberdade de ser e viver em plenitude, cada momento como se fosse o último. Bom domingo, meus queridos, aplausos aos artistas expostos em cena, desnudos de preconceitos e entregues de corpo e alma.
Cristina Martinelli, belíssima!!!! Te amo!

Marie Louise Göransson disse...

likes this on Facebook

Cesar Batista disse...

like this on Facebook

Claudia Toller disse...

likes this on Facebook.

Angela Pires disse...

likes this on Facebook.

Iris Braga Ferreira disse...

likes this on Facebook.

Alexandra Young-Schmidt disse...

likes this on Facebook.

Claudia Büthe-Gaiser disse...

likes this on Facebook.

Maria Lucia Carvalho Alzuguir disse...

likes this on Facebook.

Hebe Otto disse...

likes this on Facebook

Marcia Lopes disse...

likes this on Facebook

Amador Perez disse...

likes this on Facebook.

Amador Perez disse...

Martinelli, la regina!

Mike disse...

She is beautiful, simply gorgeous!

Marcia Souza disse...

likes this on Facebook

Anna Sillos disse...

likes this on Facebook.

Maria Helena Martins disse...

likes this on Facebook

Leila H Nobre disse...

likes this on Facebook

Lourdes Bastos disse...

likes this on Facebook

Rick Thompson disse...

likes this on Facebook

Flavia Shishov disse...

likes this on Facebook

Camila Veilchen Oliveira disse...

likes this on Facebook

Du Travanezi disse...

likes this on Facebook

Camila Veilchen Oliveira disse...

Parecem esculturas

Pedro Homem de Melo disse...

likes this on Facebook

Rogerio C de Bittencourt disse...

likes this on Facebook

Rogerio C de Bittencourt disse...

eles tem muita garra.

Beatriz Albuquerque Sant'Anna disse...

Foto.maravilhosa!!!

Marilia Barbosa disse...

Respondo aqui por estar sem condições de responder no seu blog:

- Que foto!

À primeira vista, o que me ocorre é: celebração à vida, dois corpos perfeitos em perfeita consonância, isso é honra!

Obrigada, meu queridinho do coração (pense que ainda o vejo menino, rsrsrs...)

Com amor, bom domingo, excelente semana pra você e os que vc ama e que amam você.




Marilia

Iris Braga Ferreira disse...

Que linda a foto e o texto reverenciando nossa talentosa e incomparável amiga, uma pena eu não ter assistido ao vivo essa maravilha!
Talento, Arte e Modéstia, as palavras essenciais para todo artista!!!
Eu não faço parte desta seleta companhia, mas desfruto de modéstia, achi, kkk, deixei um comentário na tertúlia, não sei se foi...
Bjs e um bom final de domingo, meu querido, saudades!!!

Tindaro Silvano disse...

Cristina Martinelli e Graham Bart defenderam este maravilhoso dueto como dois titãs. Eu tive a felicidade de assisti-los (da coxia) em todas as apresentações e a emoção que sentia era simplesmente indescritível.Grandes artistas, grandes personalidades do mundo da dança.

Odete Dede disse...

likes this on Facebook.

As Tertulías disse...

Que sorte, querido Tindaro, que maravilha!!!

Beatriz Albuquerque Sant'Anna disse...

Foto.maravilhosa!!!

Rogerio C de Bittencourt disse...

eles tem muita garra .

Cristina Martinelli disse...

Obrigada querido Ricardo pela delicada postagem.
Agradeço a todos que aqui estiveram dando seus likes e deixando lindos e emocionados depoimentos!
Obrigada a todos e uma bela semana!
Com carinho
Cristina Martinelli

Silvia Caminada disse...

Likes this on Facebook.

Cesar Lima disse...

likes this on Facebook.

Regina Ferraz disse...

Ricardo querido.Nenhuma tertúlia sua foi

mais bonita do que essa.´Cristina era tudo que se espera na arte da dança,beleza, técnica,expressão

e grande artista.Além disso adoro ela e pena só vi a fotografia desse ballet famoso em que tanto brilhou.

Basta vêr a foto.Linda!!! Maravilhosa!!! Lhe aplaudo por nos lembrar dessa sempre presente e grandiosa artista.Beijos da Regina.​

Maurette Brandt disse...

Ricardo querido,

Comentei no Tertúlias o seu post, mas por segurança reproduzo-o aqui.

Beijos pra você, Eric e D. Neyde!

Maurette





Numa entrevista memorável com a Sra. Lydia Costallat, que foi professora de Cristina Martinelli na Escola de Danças e a acompanhou por toda a vida, perguntei-lhe se destacaria algum momento em especial de Cristina no palco.

- Sim, eu destacaria "Belong", que foi algo magnífico - emocionou-se D. Lydia. - Eu nunca pensei que veria tanta sensualidade, tanta delicadeza como vi naquele pas-de-deux, que por sinal era dificílimo - ressaltou. - Era muito técnico, precisava ter uma precisão muito grande para executar bem. Mas Cristina foi muito além disso. Emprestou uma emoção, uma sensualidade, uma energia diferente, que eu nunca tinha visto. Foi algo realmente inesquecível - concluiu.

Guardei essas palavras de uma autoridade, de uma mestra que foi muito importante na vida de Cristina. Eu também não tive oportunidade de assistir. Mas penso que as magníficas fotos de Verônica Falcão oferecem uma boa explicação para que "Belong" tenha se tornado uma verdadeira lenda na carreira dessa estupenda artista, com 15 cortinas e o teatro literalmente vindo abaixo, conforme repetidos relatos de testemunhas oculares, como D Lydia.

Nas poucas chances que tive de ver Cristina Martinelli no palco, algo de irrespirável tomou conta de mim. Essas impressões marcaram definitivamente o meu modo de sentir a arte do ballet.

Esta lembrança, em um radioso domingo, renova a nossa fé na Arte e nos dá mais uma ótima oportunidade para reverenciar a inigualável Cristina Martinelli! Bravo!

As Tertulías disse...

Querida Maurette, Gracas a Deus voce enviou também por e.Mail - pois seu maravilhoso comentário NAO tinha entrado!!!!

Mauri Aklander disse...

Realmente uma maravilha de foto! E de tudo o mais

bj

Mary Castro disse...

Bravo!

Stella Tavares disse...

Boa tarde, Ricardo!
Saudade imensa! Voltei para matar um pouco a saudade que sinto. Quando puder, passa no manual. Estou voltando a postar. Bj